Uma oração a ter presente constantemente no coração:

''Eu Estou entregue nas mãos de Deus.
Eu Sou Divinamente guiado/a e protegido/a
E em mim e por mim é feita a Divina Vontade.
Eu sirvo e manifesto a LUZ , Agora e Sempre!''

13.11.09

N A S A - 2012 - NIBIRU E FIM DOS DIAS

N A S A
2012 - NIBIRU E FIM DOS DIAS
Entrevista efetuada em junho/2009

NASA desmente fim do mundo em 2012 - leia abaixo a Tradução de Texto Publicado pelo site dela no link: http://astrobiology.nasa.gov/ask-an-astrobiologist/intro/nibiru-and-doomsday-2012-questions-and-answers


Estórias referentes ao imaginário planeta Nibiru bem como premonições sobre o dia do juízo final a ocorrer em dezembro de 2012 tem aflorado na internet. Atualmente há (junho/2009) mais de 175 livros catalogados no Amazon.com sobre o tema do fim dos tempos em 2012. Muitos cenários de desastre tem sido sugeridos nesses textos que estão “pregando peças”. A nossa seção “Pergunte ao Astrobiologista” vem recebendo milhares de perguntas acerca do Nibiru e do ano 2012, com mais de 200 respostas já postadas. Muitas das novas perguntas são similares aquelas já respondidas. Adiante está uma lista das “Vinte perguntas mais comuns”, organizadas de forma lógica e respondidas em detalhes.

Em adição às minhas respostas há algumas outras boas fontes.

• Neil de Grassse Tyson postou um ótimo vídeo clip sobre o tema Nibiru-2012.

• Wikipedia tem diversas colocações proveitosas. Começa com a Colisão Nibiru, passando depois para a Mitologia Nibiru e Sitchin Nibiru. O informativo também é uma entrada para as profecias do fim do mundo em 2012.

• Veja também o debate de Phil Plait em seu website Badastronomy para uma descrição detalhada da origem do Planeta X / Nibiru.

David Morrison,

NAI Cientista Sênior

01 de junho de 2009-11-07

1. Qual é a origem da profecia de que o mundo acabará em dezembro de 2012?

Essa estória começou com afirmações de que Nibiru, um planeta supostamente descoberto pelos Sumerianos, direciona-se rumo à Terra. Zecharia Sitchin, que escreve ficções sobre a antiga civilização mesopotamica da Suméria, afirmou em diversos livros (por exemplo O Décimo Segundo Planeta, publicado em 1976), que ele teria encontrado e traduzido documentos Sumerianos que identificam o planeta Nibiru, orbitando o Sol a cada 3600 anos. Estas fábulas Sumerianas incluem estórias de “antigos astronautas” que visitaram a Terra procedentes de uma civilização de alienígenas chamada Anunnaki. A auto-declarada espiritualista Nancy Lieder, que afirma canalizar alienígenas, escreveu em seu website Zetatalk que os habitantes do planeta imaginário que rodeia a estrela Zeta Reticuli a preveniu de que a Terra estava em perigo devido ao Planeta X ou Nibiru. Esta catástrofe foi inicialmente profetizada para ocorrer em maio de 2003, mas quando nada ocorreu a data do fim do mundo foi prorrogada para dezembro de 2012. Só recentemente essas duas fábulas foram relacionadas com os registros Maias relativos ao solstício de inverno de 2012 - e daí em diante profetizasse o fim do mundo para o dia 21 de dezembro de 2012.

2. Os Sumerianos foram a primeira grande civilização, e eles fizeram muitas profecias astronômicas apuradas, incluindo a existência dos planetas Urano, Netuno e Plutão. Então porquê não deveríamos acreditar nas suas profecias acerca do Nibiru?

Nibiru é um nome que dentro da astrologia babilônica é algumas vezes associado ao deus Marduk. Nibiru aparece como sendo de menor expressão na criação poética Enuma Elish coonforme registros da biblioteca de Assurbanipal, rei da Assíria (668-627 a.C.). A Suméria prosperou muito antes, aproximadamente no 23º. século ao 17º. Século a.C.. As afirmações sobre ser Nibiru um planeta e ser conhecido dos sumerianos são desmentidas pelos estudiosos que (diferentemente de Zecharia Sitchin) estudam e traduzem os arquivos escritos da antiga Mesopotamia. A Suméria foi sem dúvida uma grande civilização, importante para o desenvolvimento da agricultura, gerenciamento de recursos hídricos , vida urbana, e especialmente da escrita. Entretanto, eles deixaram muito poucos registros sobre astronomia. Certamente eles nada sabiam sobre a existência de Urano, Netuno ou Plutão. Eles também não tinham conhecimento de que os planetas orbitavam o Sol, uma idéia que foi inicialmente desenvolvida na antiga Grécia dois milênios após o fim da Suméria. Afirmações como as de que os sumerianos tinham uma astronomia sofisticada ou que até tivessem um deus chamado Nibiru, são produtos da imaginação do Sitchin.

3. Como você pode negar a existência de Nibiru uma vez que ele foi descoberto em 1983 e o fato apareceu nos principais jornais? Naquela ocasião vocês o chamaram de Planeta X, e mais tarde esse nome foi mudado para Xena ou Eris.

O IRAS (Satélite Astronômico infra-vermelho da NASA, que realizou uma avaliação no céu por 10 meses em 1983) descobriu muitas fontes de infra-vermelho, mas nenhuma delas foi o Nibiru ou Planeta X ou qualquer outro objeto fora do sistema solar. Esta é uma boa discussão da Caltech a ser encontrada no (http://spider.ipac.caltech.edu/staff/tchester/iras/no_tenth_planet_yet.html ). Resumidamente, o IRAS catalogou 350.000 fontes de infra-vermelho, e inicialmente muitas dessas fontes não foram identificadas (o que foi o ponto, naturalmente, de fazer-se essa pesquisa). Todas essas observações tem sido acompanhadas por estudos subseqüentes com instrumentos mais poderosos tanto da terra quanto do espaço. O rumor acerca do “décimo planeta” surgiu em 1984 após ter sido divulgado um estudo científico no Astrophysical Journal Letters (jornal da literatura astrofísica) intitulado “origem de ponto de fontes não identificados no minisurvey (mini-inspeção) do IRAS”, que examinou diversas fontes de infra-vermelho “no counterparts” (sem contraparte ou equivalentes). Mas esses “objetos misteriosos” foram subsequentemente encontrados como sendo galáxias distantes (exceto uma, que foi uma nebulosa do “infra-vermelho cirrus”), conforme publicado em 1987. Nenhuma fonte do IRAS jamais foi transformada em planeta. Há um bom debate acerca desse tema no website de Phil Plait. (www.badastronomy.com/bad/misc/planetx/science.html//ira s). A linha fundamental é que o Nibiru é um mito sem qualquer embasamento. Para um astrônomo, as afirmações que persistem sobre um planeta que está “próximo” mas que é “invisível” são simplesmente tolas.

4. Talvez devêssemos perguntar sobre o Planeta X ou Eris e não sobre Nibiru. Por quê mantem-se em segredo a órbita de Eris?

O “Planeta X” é um paradoxo quando se refere a um objeto real. O termo tem sido usado por astrônomos desde o século passado para um objeto possível ou suspeito. Ao ser descoberto o objeto, dá-se-lhe um nome real, como ocorreu com Plutão e Eris, sendo que ambos foram em algum momento chamados de Planeta X. Se um novo objeto não se torna real, ou mesmo um planeta, então não se ouvirá falar mais dele. Se ele for real, não mais se chamará Planeta X.

Eris é um dos muitos dos planetas anões recentemente descobertos fora do sistema solar pelos astronomos, todos esses planetas com órbitas normais que nunca se aproximarão da Terra. Assim como Plutão, Eris é menor do que a Lua. Ele está muito mais distante, e sua órbita nunca estará mais próxima do que 4 bilhões de milhas. Não há segredo a respeito de Eris nem de sua órbita, como você pode facilmente verificar acessando o google ou procurando no Wikipedia.

5. Você nega que foi construído um Telescópio no Pólo Sul ( ) para rastrear o Nibiru? Qual outra razão haveria para eles construírem um telescópio no Pólo Sul?

Há um telescópio no Pólo Sul mas que não foi construído pela NASA e não é usado para estudar Nibiru. O telescópio do Pólo Sul teve o apoio da National Science Foundation (Fundação Nacional da Ciência), e é um radio telescópio, não um instrumento ótico. Ele não pode fazer imagens ou fotografias. Você pode pesquisar isso no Wikipedia. O Antártico é um grande local para observação de ondas curtas de rádio e infra-vermelhos astronômicos, e também tem a vantagem de poder-se observar continuamente objetos sem a interferência do ciclo dia-noite.

Eu também acresceria que é impossível imaginar uma geometria em que um objeto pode ser visto somente do Pólo Sul. Mesmo se ele ocorresse no sul da Terra, poderia ser visto em todo o hemisfério sul.

6. Há muitas fotos e vídeos do Nibiru na internet. Isto não é uma prova de que ele existe?

A grande maioria das fotos e vídeos na internet são de algum filme próximo ao Sol (aparentemente para dar suporte às alegações de que Nibiru tem estado escondido atrás do Sol por muitos anos. Realmente essas imagens do Sol são falsas e são causadas por reflexos internos nas lentes, comumente chamadas de “lens flare” (rastros de luz e distorção de reflexos em volta das fontes de luz. Elas podem ser identificadas facilmente pelo fato de que aparecem diametricalmente opostas à real imagem solar, como que refletida através do centro da imagem. Isto é especialmente óbvio em vídeos onde a camera se movimenta, a falsa imagem salta por tudo exatamente oposto à imagem real. “Lens flare” similares é um recurso de muitas fotos sobre UFO tomadas à noite com fortes fontes de luz tais como luzes dos postes na imagem. Estou surpreso pelo fato de as pessoas não reconhecerem este artefato comum nas fotos. Também estou surpreso com o fato de essas fotos mostrarem algo tão grande nas proximidades como o Sol (um “segundo sol”) e serem aceitas juntamente com afirmações feitas sobre algo constante dos mesmos websites de que Nibiru está muito enfraquecido para ser visto ou fotografado, exceto com grandes telescópios.

Uma foto de telescópio amplamente divulgada (www.greatdreams.com/nibiru-possible.jpg ) mostra dois aspectos .de uma nebulosa gasosa em expansão muito além do sistema solar, que não está em movimento. Isto pode ser verificado pelo fato de que as estrelas são as mesmas em ambas imagens. Um leitor desse website com olhar aguçado identificou estas fotos como um invólucro de gás ao redor da estrela V838 Mon. O Wikipedia tem um ótimo artigo e uma linda foto da mesma feita pelo Hubble. Outro estudante do “high school (escola secundária) ficou inicialmente impressionado com as imagens postadas de uma mancha/imagem vermelha da qual disseram tratar-se do Nibiru. Então ele trabalhou em suas aulas de Photoshop o como fazer esse tipo de fotos a partir de um rabisco qualquer.

Um vídeo postado no verão de 2008 no Youtube (www.youtube.com/watch?v=qDKtkWlx00A ) mostra um rapaz em pé em sua cozinha declarando que um dos objetos descobertos pelo telescópio raio x da NASA é Nibiru.

Qual é a sua comprovação? Que mesmo uma imagem de raio X azul liberada pela NASA, com cor adulterada, pode na realidade ser um planeta próximo com um oceano. Isso seria hilário se não fosse usado para amedrontar as pessoas.

7. Voce poderia explicar o fato de que o período das 5h 53m 27s, -6 10’58’’ foi apagado do Google Sky e do Telescópio Microsoft? As pessoas sugerem que foram suprimidos por que eram as coordenadas de localização do Nibiru no momento.

Muitas pessoas tem-me questionado a respeito desse retangulo vazio em Orion no Google sky, que é uma apresentação de imagens procedentes do Sloan Digital Survey. Isto não pode ser um local de encobrimento do Nibiru, por tratar-se de uma parte do céu que poderia ser visto desde praticamente qualquer lugar da Terra no inverno de 2007-2008 quando todo esse assunto sobre o Nibiru começava. Isso contrariaria as alegações de que Nibiru estava escondido atrás do Sol ou que poderia ser visto somente a partir do hemisfério sul. Inclusive eu fiquei curioso a respeito desse retangulo apagado, e por essa razão perguntei a um amigo que é um cientista muito experiente do Google. Ele "identificou que os dados foram perdidos devido a um erro de processamento do programa de junção de imagens que usamos para revelar imagens dos satélites. A equipe assegurou-me que na próxima verificação, isto será corrigido".

8. Se o governo sabia do Nibiru, não teria mantido o assunto em segredo para evitar pânico? Não é função do governo manter a calma da população?

Há vários objetivos de governo, mas que não incluem manter a população em calma. Minha experiência é de que às vezes divisões do governo fazem justamente o oposto, tal como nas freqüentes referencias a várias ameaças de terrorismo ou advertências sobre acidentes ao dirigir veículos em feriados ou fins de semana prolongados, o que não é mais perigoso do que em qualquer outro período. Há uma longa história sobre associar coisas ruins com oposições políticas ( os leitores mais antigos podem recordar-se da “missile gap” (corrida armamentista) nas eleições de 1960, os mais jovens observarão as atuais referencias de quem está ou não mantendo os U.S.A. a salvo dos terroristas). Além do mais, cientistas políticos tem apontado que muitos de nossos conceitos de pânico público são produto de Hollywood, enquanto que no mundo real as pessoas tem bem gravado a ajuda de uns aos outros nas horas de perigo. Acho também que cada um reconhece que manter segredos sobre más notícias normalmente geram um resultado oposto ao desejado, tornando a situação ainda pior quando os fatos, ao final, são constatados. E no caso do Nibiru, esses fatos realmente seriam publicados muito rápido.

Ainda que assim o quisesse, o governo não poderia manter o Nibiru em segredo. Se ele fosse real, seria rastreado por milhares de astrônomos, amadores e mesmo profissionais. Esses astrônomos estão espalhados por todo o mundo. Eu conheço a comunidade astronômica e estes cientistas não manteriam segredo ainda que para cumprir alguma ordem. Você simplesmente não pode esconder um planeta em sua trajetória para o interior do sistema solar !

9. Por quê o calendário Maia diz que o mundo terminará no final de 2012? Tenho ouvido que eles foram muito precisos no passado com profecias sobre outros planetas. Como você pode ter certeza de que vocês sabem mais do que eles sabiam?

Os calendários existem para manter registros da passagem do tempo, não para profecias sobre o futuro. Os astrônomos maias eram habilidosos, e desenvolveram um calendário muito complexo. Os calendários antigos são interessantes para os historiadores, mas não tinham a habilidade que temos hoje para manter registros do tempo, ou da precisão dos calendários atualmente em uso. O ponto principal, entretanto, é que calendários, tanto os contemporâneos quanto os antigos, não podem prever o futuro do nosso planeta ou advertir sobre coisas que irão ocorrer em uma data específica como em 2012.

Eu observo que o meu calendário de mesa termina muito antes, em 31 de dezembro de 2009, contudo não interpreto isto como sendo uma premonição do Armageddon. É apenas o princípio de um novo ano.

10. Qual é a teoria do deslocamento polar? É verdade que a crosta terrestre faz uma rotação de 180 graus ao redor do seu eixo em uma questão de dias se não de horas? Isto tem algo a ver com nosso sistema solar inclinando-se abaixo do equador galáctico?

A reversão da rotação da Terra é impossível. Isso nunca aconteceu e nunca acontecerá. Há movimentos lentos dos continentes (por exemplo a Antarctica era próxima do equador há centenas de milhões de anos atrás), mas isso é irrelevante quanto às afirmações da reversão rotacional dos pólos. Entretanto, muitos dos websites sobre desastres arrastam as pessoas ao engodo e as fazem de tolas. Eles alegam haver relação entre a rotação e a polaridade magnética da Terra, que modifica de maneira irregular a reversão magnética que ocorre a cada 400.000 anos em média. Até onde sabemos, tal reversão magnética não causa qualquer dano à vida na Terra. De qualquer forma é muito improvável ocorrer uma reversão magnética nos próximos milênios.

Mas eles alegam falsamente que a reversão magnética está chegando (em 2012) e isso é o mesmo, ou engatilhará, uma reversão rotacional dos pólos. O ponto principal é: (a) Direção da rotação e polaridade magnética não estão relacionadas. (b) Não há razão para esperar a ocorrência de uma reversão da polaridade magnética a qualquer hora em breve, ou de antecipar qualquer efeito ruim para a vida quando eventualmente ocorrer. (c) Uma súbita alteração no pólo rotacional com conseqüências desastrosas é impossível. Também, nada disso tem algo a ver com o equador galáctico ou qualquer outra coisa sem sentido acerca do alinhamento que aparece em muitos dos websites com teorias conspiratórias.

11. Quando a maioria dos planetas se alinharem em 2012 e o planeta Terra estiver no centro da Via Láctea, qual será o efeito disso no planeta Terra? Isso poderia causar a alteração do pólo, e se assim for o que se poderia esperar?

Não há alinhamento planetário em 2012 ou em qualquer outro momento dentro das muitas próximas décadas. No que se refere a Terra estar no centro da Via Láctea, eu não conheço o que significa essa frase. Se você se refere à Galáxia Via Láctea, estamos muito distantes da direção das bordas da galáxia espiral, algo como 30.000 anos-luz do centro da galáxia. Nós circulamos o centro galáctico em um período de 225-250 milhões de anos, sempre mantendo aproximadamente a mesma distancia. No que se refere a mudança do pólo, também não sei o que isso significa. Se isso significa alguma mudança de subida na posição do pólo (isto é, a rotação do eixo da Terra), então aquilo é impossível, conforme se observa na resposta da questão 10. O que muitos websites realmente discutem é o alinhamento da Terra e do Sol com o centro da Via Láctea na constelação de Sagitário. Isso ocorre todo mês de dezembro, sem conseqüências ruins, e não há razão para a expectativa de que 2012 será diferente de qualquer outro ano.

12. Quando o sol e a Terra se alinham no plano galáctico ao mesmo tempo com o buraco negro no centro, não poderia isso causar alguma ocorrência devido ao fato de que o buraco negro exerce uma tração gravitacional um tanto forte?

Há um gigantesco buraco negro no centro da nossa Galáxia Via Láctea e assim como qualquer outra concentração de massa ele exerce força gravitacional sobre o resto da Galáxia. Entretanto, o centro galáctico está muito distante, aproximadamente 30.000 anos luz, daí ter ele efeitos insignificantes sobre o sistema solar ou sobre a Terra.. Não há forças especiais a partir do plano galáctico ou do centro galáctico. A única força importante que age sobre a Terra é a força da gravidade do Sol e da Lua. Até onde vai a influencia do plano galáctico, não há nada especial sobre essa localização. A última vez que a Terra esteve no plano galáctico foi há muitos milhões de anos atrás. Afirmações de que estamos a ponto de cruzar o plano galáctico são falsas.

13. Estou assustado com o fato de que a Terra entrará no Dark Rift da Via Láctea. O que isso fará? A Terra será engolida?

“Dark Rift” é um nome popular para as amplas e difusas nuvens de poeira situadas no braço interior da Galáxia Via Láctea, que bloqueia a nossa visão do centro galáctico. O medo do completo “alinhamento galáctico” é muito disparatado. No final de Dezembro o Sol está sempre aproximadamente na direção do centro da Galáxia como se vê na Terra, mas e daí? Aparentemente os trapaceiros que estão tentando trazer o pânico às pessoas decidiram usar essas frases sem sentido sobre “alinhamentos” e o “dark rift” e “cinturão de fótons” definitivamente por que o público não entende. Isso é muito ruim, mas não existe lei contra mentiras na Internet ou qualquer outro lugar exceto em nossos tribunais de justiça. Até onde se refere à segurança da Terra, as ameaças dizem respeito ao aquecimento global e perda da diversidade biológica, e talvez algum dia devido a alguma colisão com algum asteróide ou cometa, não as alegações pseudocientíficas sobre 2012.

14. Eu tenho ouvido que o campo magnético da Terra será interrompido em 2012 juntamente quando um alto nível de tempestades solares na história estão por ocorrer. Isso nos mataria ou destruiria nossa civilização?

Em torno do máximo solar.(que ocorre a cada 11 anos aproximadamente), há muito mais erupções solares e ejeção de massa coronal do que em torno do mínimo solar.

As dilatações e ejeções de massa não são perigosas para os humanos ou qualquer outro tipo de vida na Terra. Eles poderiam por em risco os astronautas no espaço ou na Lua, e isto é algo com o que a NASA tem que aprender a lidar, mas isto não é problema para você ou para mim. Grandes explosões podem interromper transmissões de rádio, causar brilhantes exposições de luz da aurora (Lights do Norte e do Sul), e prejudicar a eletrônica de alguns satélites no espaço. Hoje muitos satélites são projetados para lidar com esta possibilidade, por exemplo desligando alguns de seus circuitos mais delicados e indo para um modo “seguro” por algumas horas. Em casos extremos de atividade solar pode também interromper as transmissões elétricas na terra, provavelmente levando a blackouts elétricos, mas isto é raro.

O último máximo solar ocorreu em 2001, e desta forma o próximo é esperado em torno de 2012, 11 anos depois. Entretanto, o mais recente mínimo solar foi incomum, com um período de dois anos quase sem manchas solares ou outras indicações de atividade solar, dessa forma os cientistas agora consideram que o próximo máximo solar seja mais tardio, talvez em 2013. Entretanto, os detalhes do ciclo solar permanecem basicamente imprevisíveis.

Você está correto ao dizer que o campo magnético da Terra nos protege criando uma larga região no espaço, chamada de magnetosphera da Terra, dentro do qual a maioria do material ejetado do Sol é capturado ou desviado, mas não há razão para esperar uma reversão da polaridade magnética a qualquer momento e tão próximo. Essas reversões magnéticas ocorrem somente uma vez a cada 400.000 anos em média.

15. Estou um pouco confuso sobre um relatório do site Fox News informando que em 2012 uma “Poderosa Tempestade Solar Poderia “Fechar” os US por Meses”. Eles se referiram a um relatório da Academia Nacional de Ciências que foi encomendada e paga para tal. Se nada está por ocorrer como resultado do evento em 2012, por que permitiriam que tal notícia sem sentido fosse relatada?

A NASA está satisfeita com o relatório do National Research Council sobre heliofísica.Como você pode ver, este relatório inclui a análise do pior caso que poderia ocorrer atualmente se houvesse uma repetição da maior tempestade solar já registrada (em 1859). O problema é a forma de como a informação pode ser usada fora do contexto. Não há razão para esperar por essa grande tempestade solar num futuro próximo, e certamente e menos ainda específicamente em 2012. Sua referencia ao “evento de 2012” ilustra este problema. Não há predições sobre um “evento em 2012”. Nós ainda não sabemos se o último máximo solar ocorrerá nesse ano. O cenário de desastre total em 2012 é um trote, alimentado por anúncios para o filme de ficção científica de Hollywood “2012”. Eu só posso esperar que a maioria das pessoas estejam aptas a distinguir o enredo do filme de Hollywood , da realidade.

16. Todos os meus colegas da escola estão dizendo-me que todos vamos morrer no ano de 2012 devido ao choque de um meteoro contra a Terra. Isso é verdade?

Seus colegas estão errados. A Terra sempre esteve sujeita a impactos por cometas ou asteróides, e apesar disso grandes choques são muito raros. O último grande impacto ocorreu há 65 milhões de anos atrás, o que gerou a extinção dos dinossauros. Hoje os astrônomos da NASA estão realizando uma investigação chamada Spaceguard Survey (Inspeção de Controle do Espaço), para encontrar grandes asteróides próximos à Terra antes que ocorram impactos. Nós já determinamos que não há asteróides ameaçadores tão grandes como aquele que matou os dinossauros. Todo este trabalho é feito de forma aberta juntamente com as descobertas postadas a cada dia no website NASA NEO Program Office (http://neo.jpl.nasa.gov/ ), desta forma você pode ver por si mesmo que nada está previsto para colisão em 2012.

17. Se o Nibiru não passa de um embuste, por que então não se emite uma negativa do fato? Como é que vocês podem permitir que estórias como essa circulem e assustem as pessoas? Por que o governo dos U.S. não faz algo sobre isso !

Se você for ma home page da NASA, http://www.nasa.gov/ ., poderá ver muitas estórias que revelam o engodo acerca do “Nibiru” ou de “2012”. Não há muito mais que a NASA possa fazer. Os trotes nada tem a ver com a NASA e não estão embasados em dados da NASA, desta forma nós, como uma agencia, não estamos diretamente envolvidos. Mas os cientistas, tanto da NASA quanto os de fora, reconhecem que este trote com seus esforços de assustar pessoas tira a atenção de assuntos científicos mais importantes , tais como o aquecimento global e a perda da diversidade biologica ou biodiversidade. Nós moramos em um país onde há liberdade de expressão, o que inclui liberdade para mentir. Você deveria estar feliz por não haver censura. Mas se você apenas usar o bom senso tenho certeza de que poderá reconhecer as mentiras. Como estamos aproximando-nos de 2012, as mentiras se tornarão ainda mais óbvias.

18. Você teria como provar que Nibiru é um engodo? Há muitos relatos sobre algo terrível acontecer em 2012. Eu preciso de uma prova porque o governo está muito afastado de nós.

Não é coerente pedir para que se prove que o fim dos dias em 2012 é um embuste. Suas perguntas deveriam ser para defender o fim dos dias e provar que eles estão dizendo a verdade, e não que a NASA prove que isso é falso. Se alguém declarou na internet que havia 50 elefantes vermelhos caminhando através de Cleveland, alguém poderia esperar que a NASA provasse que isso está errado? Quem alega é quem tem que provar. Lembre-se do comentário de Carl Sagan de que afirmações extraordinárias demandam níveis extraordinários de evidencias se nisso se tiver que acreditar.

Entretanto, Acredito que os astrônomos tem ido ao ponto para poder oferecer fortíssimos argumentos de que Nibiru não existe. Um planeta grande ( ou um brown dwarf/objetos menores) no nosso sistema solar teriam sido de conhecimento dos astrônomos por muitos anos, ambos indiretamente quanto as suas perturbações gravitacionais sobre outros objetos e por detecção direta por infravermelho. O Satélite Astronômico Infravermelho da NASA (IRAS) realizou a primeira análise em todo o céu em 1983, e diversas pesquisas posteriores teriam também visto Nibiru se ele estivesse lá. Além disso, se uma massa grande passasse no interior do sistema solar a cada 3600 anos, veríamos seus efeitos desordenados na órbita interna dos planetas, e isso não ocorre.

Você não precisa da minha palavra para isso. Apenas use o bom senso. Você já viu Nibiru? Em 2008 muitos websites disseram que estaria visível a olhos nus no verão de 2009. Se um planeta grande ou objetos menores estivessem dirigindo-se para o interior do sistema solar em 2012, já estaria sendo rastejado por centenas de milhares de astrônomos, profissionais e amadores, em todo o mundo. Você conhece algum astrônomo amador que o esteja vendo? Você viu alguma foto ou debate nas grandes revistas populares de astronomia como a Sky & Telescope? Apenas pense no assunto. Ninguém poderia esconder o Nibiru se ele existisse.

19. E sobre os anúncios assustadores do novo filme 2012? Eles nos dizem para olhar para esses sites na Internet para verificar a ameaça do fim dos dias.

As afirmações dos pseudo-cientistas acerca do Nibiru e do fim dos dias em 2012, juntamente com a falta de confiança no governo, estão sendo ampliadas pela publicidade para o novo filme da Columbia Pictures intitulado 2012, a ser lançado em novembro de 2009. O trailer do filme, ao ocorrer em teatros e em seus websites, mostra o maremoto de ondas sobre o Himalaia, somente com os seguintes dizeres: “Como os governos do nosso planeta preparariam 6 bilhões de pessoas para o fim do mundo? (pausa longa). Eles não o fariam. Descubra a Verdade. Pesquise no Google 2012.”.

O filme publicitário inclui a criação do falso website científico (www.instituteforhumancontinuity.org/ ), para “The Institute for Human Continuity”, que é totalmente fictício. De acordo com esse website, o IHC se dedica a pesquisas científicas e sem preparo público. Sua missão é a sobrevivência da humanidade. O website explica que o instituto foi fundado em 1978 por líderes governamentais internacionais, de negócios e ciência. Eles dizem que em 2004, os cientistas do IHC confirmaram com 94% de certeza que o mundo seria destruído em 2012; Esse website encoraja as pessoas para um cadastro de escolha daqueles que serão salvos. Um colega submeteu o nome do seu gato, que foi aceito. Eu aprendi no Wikipedia que criar esse tipo de website enganador é uma nova técnica de anúncio chamada “Viral Marketing”, por analogia com vírus de computadores.

20. Seria possível que o fluxo de perguntas que você descreve sejam parte de algum tipo de campanha para um livro ou filme, na esperança de que o volume de recusas sejam tidas por mais “evidencias” de que há uma conspiração?

Eu me faço essa mesma pergunta todos os dias, uma vez que o volume de correspondência que recebo a respeito do Nibiru (juntamente com vários alinhamentos e deslocamentos dos pólos) continua aumentando - agora mais de 20 por semana. Claramente pode ver-se que muitos farão dinheiro utilizando-se do medo das pessoas com a aproximação do fim dos dias. Alguns desses exagero estão certamente dando publicidade ao desastre de ficção científica do filme 2012 (veja-se a pergunta 19). Muitos websites estão vendendo livros e gravações sobre o Nibiru ou até “kits de sobrevivência”. É muito triste que com tantas questões como o aquecimento global e colapso financeiro_ as pessoas estejam sendo tomadas por essas mentiras. No quadro final de um livro de astronomia (The Hunt for Planet X) do Govert Shilling, ele escreve: “Há muito a se fazer para desmascarar – os arqueólogos e astrônomos céticos e que se dedicam a ver a maré de coisas sem sentido do Nibiru e explicam com precisão científica o que há de errado com a lenda cósmica. Eles terão seu trabalho interrompido nos próximos anos. E no dia 22 de dezembro de 2012, haverá uma nova estória ou fábula pseudocientífica fazendo voltas e novos circos completos começarão novamente em todo o mundo. Por que não importa quantos novos corpos celestiais se encontrem em nosso sistema solar, sempre haverá uma necessidade para um misterioso “Planeta X”.
________________________________________
Tradução: Virgínia Martinez Dammroze - 11.11.2009


http://www.luzdegaia.org/outros/diversos/nasa.htm

................................................................................................................................................
Quando fazemos pesquisas temos de ter em conta todos os dados disponíveis.
Aqui fica o que a Nasa diz sobre 2012


....

Sem comentários:

Enviar um comentário