Uma oração a ter presente constantemente no coração:

''Eu Estou entregue nas mãos de Deus.
Eu Sou Divinamente guiado/a e protegido/a
E em mim e por mim é feita a Divina Vontade.
Eu sirvo e manifesto a LUZ , Agora e Sempre!''

26.5.10

"Deixando ir o Medo" - Kryon - Canalização através de David Brown

Kryon - Canalização através de David Brown

2 de maio de 2006, em Marina da Gama, Cidade do Cabo

"Deixando ir o Medo"


Saudações, queridos, pois EU SOU KRYON do Serviço Magnético.



Mais uma vez é maravilhoso estar aqui nesta noite, entre este grupo de curadores estimados, que trabalharam todos juntos em muitas dimensões, em muitos outros planetas e em muitos outros universos. Nesta noite, há muito amor no ar e nesta sala, e o amor é o que está em toda parte. O amor é a resposta para todos os problemas ou desafios pelos quais vocês possam estar passando. Para alguns, há muito medo em torno do amor. Alguns de vocês temem mais a sua própria luz, do que a sua própria escuridão. A maioria de nós tem uma grande tolerância para a escuridão e intolerância para a luz.

Vagarosamente, mas certamente, vocês estão sendo liberados de sua intolerância para a luz e isto lhes permitirá a ficarem mais centrados. Suas emoções tornar-se-ão mais calmas, menos erráticas, capacitando-os a tomarem decisões mais sábias - decisões tomadas com muito menos medo. Não considerem o medo ao tomarem decisões, mas sim considerem a luz, e portanto o amor.O Medo é o cativeiro do plano da terra. O Medo é o que os amarra e os impede de ser quem realmente são. O Medo é um estado de demência ou insanidade que é real. O Medo é a escuridão que vocês conheceram tão bem pessoalmente, e a cada vez que vocês entram no seu medo, vocês entram em um estado novo de consciência expandida. Vocês receberão muitos presentes de dentro do seu medo, na escuridão e nos cantos escuros de sua vida, há muitos e belos presentes espirituais para serem encontrados. Lembrem-se, pois em cada área da escuridão que é clarificada ou iluminada, há menos medo.

Os Medos chegam de formas incontáveis e são sutis e evasivos. Seus medos, entretanto, são não obstante, reais, e são estes medos quase invisíveis e sutis, que são os mais difíceis. Estes medos bloqueiam o fluxo de sua energia e os encerram em um espaço no qual vocês têm sido retidos por toda a sua vida. Estes medos são transmitidos através das gerações, de família a família, e todos nós reunimos nossas próprias séries pertinentes de medos, que têm a sua própria experiência especial no plano da terra.Todos estes ensinamentos referem-se a deixar ir o medo, assimilar o amor, a verdade e tornar-se o seu eu autêntico. Um dos grandes preceitos é: "Algo melhor chega em seu caminho, quando você deixa ir". Há uma diferença entre deixar ir, e repelir. Frequentemente quando vocês repelem algo, vocês não estão tratando com o seu medo e quanto mais firmemente vocês rechaçam, torna-se mais difícil tratar com ele.

Agora, fechem os seus olhos e mantenham-se em seus corpos. Conscietizem-se de que há muito amor nesta sala. Seus Guias Espirituais estão aos seus pés e a sala está ocupada pelo reino angélico. Kryon está também aqui, com força total. Experienciem como se sentem fora do seu corpo e estejam conscientes do interior. Nesta noite, nós estamos aqui para trabalhar com o medo - o medo que os retêm na vida, o medo que uma vez liberado, os deixarão libertos. Nós experienciamos o medo por uma razão. É a sua retenção e a fim de aprenderem sobre o plano da terra, vocês precisam de ter uma certa quantidade de medo. É muito importante que as crianças pequenas tenham medo, por exemplo, o medo do fogo, pois assim elas não se queimarão, ou o medo da água, de modo que elas não se lancem dentro antes que possam nadar.Quando vocês ficam mais velhos e compreendem mais sobre o plano da terra - pois neste meio tempo vocês sabem que não devem estender a sua mão para o fogo - é perigoso, e portanto o medo se apresentará a olho nu. Não é estranho que quanto mais vocês envelhecem, mais vocês têm medo. Vocês se agarram aos medos; vocês cuidam deles e os deixam crescer. Conscientizem-se de seus sentimentos exteriormente e interiormente, e saibam que não há nada para temer nesta sala, nada, seja o que for, pois vocês estão em um espaço cerimonial completamente seguro...ainda há muito medo dentro do seu corpo... não há nada mais do que o próprio medo. O ser humano vagueia constantemente com o medo em seu corpo. Um ser humano se esqueceu de como liberar o seu medo. Então, deixem o medo chegar ao seu corpo, o medo que os mantêm retraídos na maior parte de sua vida. Pensem em um sonho que vocês frequentemente tiveram, um sonho que nunca foi realizado. Talvez seja uma nova casa ou um novo carro, algo material ou algo abstrato, como um caso de amor. Seu sonho seria realizado se não houvesse o medo. Agora, conscientizem-se do medo que está em seu corpo, que os estão impedindo de realizar o seu sonho...e liberem-no. Deixem ir o medo.

Mas como vocês reconhecem os medos sutis e ocultos, que todos temos interiormente? Como vocês sabem quando vocês têm o medo dentro de vocês?Vocês devem fazer o que mais receiam e isto é entrar no medo. Por exemplo, vocês todos provavelmente tiveram a experiência de posicionarem-se em um alto trampolim na piscina e ficarem aterrorizados de mergulharem. Talvez vocês mergulharam e disseram que nunca o fariam novamente ou talvez vocês recuaram muitas vezes após esta primeira vez.Este é um medo claro e real. Agora, conscientizem-se do que os impede de viverem o seu sonho. É o medo de aprenderem algo novo, e se assim for, por que isto deveria ser um medo? Por que alguém deveria temer aprender algo novo? Talvez, quando vocês tentaram aprender algo no passado, vocês foram punidos por deixarem de aprendê-lo apropriadamente Ou talvez, vocês aprenderam-no, mas não bem como deveria ser e se viram com um problema. Então, conscientizem-se do medo de aprender algo novo e experienciem o sentimento em seus corpos. Lembrem-se, aprender é caminhar para o desconhecido. É uma forma estruturada de conhecer algo novo - tornar-se algo novo. No mundo ocidental, o foco na aprendizagem não cuida da emoção, e onde houver uma emoção, haverá um problema, um desafio. O desconhecido é sempre um fator do medo, e onde houver o medo, haverá a emoção.

Aprender é entrar no desconhecido e entrar no feminino. Algumas pessoas podem odiar o feminino, devido ao modo que a sua mãe agia, ou elas temem o feminino. Mas o feminino está onde todas as respostas se encontram. O feminino está onde estão os seus sonhos e também onde estão os seus medos. O feminino é o desconhecido. O masculino, por outro lado, é o conhecido, e normalmente se equipararia aos problemas em torno do pai, pois todos os problemas, em um ser humano, originam-se tanto da mãe ou do pai, como estes são transmitidos. Aprendam a observar seu próprio comportamento e a compreender o Universo, pois o Universo os ensinará o que vocês precisam saber, a fim de viverem os seus sonhos. Quando vocês aprendem, vocês expandem. Ao compreenderem o feminino ou o desconhecido, vocês estão realmente tornando-se mais acessíveis para o mundo, tornando-se mais quem vocês realmente são.

Vocês estão expandindo-se e tornando-se autênticos. De uma forma paradoxal, quem vocês são, não é também autenticidade, pois somente quando as suas ações são realizadas na integridade absoluta, vocês estão sendo verdadeiramente autênticos. E o que interrompe a energia da integridade é o medo. A integridade sempre os conduzirá para o desconhecido. O amor é também o desconhecido. Todas estas energias paradoxais originam-se do desconhecido. O desconhecido é um paradoxo dentro de um paradoxo, dentro de um paradoxo, e sempre será. Tentem fazer o seu masculino forte o suficiente, para entrar neste paradoxo. Quanto mais forte e melhor o seu relacionamento com o seu pai, mais fácil vocês acharão a vida nesta terra, em um estado intelectual de ser. Quanto melhor, mais fácil e mais estimulante for o seu relacionamento com a sua mãe, mais firme e mais sólida será a sua vida aqui nesta terra. Como um carvalho que têm grandes raízes, deverão vocês aprofundar estas raízes na Mãe Terra, e enquanto vocês resolvem os seus problemas com a sua mãe, suas raízes se moverão mais profundamente para a Mãe Terra. Enquanto vocês resolvem os problemas dentro do seu pai, vocês se conectarão mais com a consciência de Cristo e com a consciência dos Mágicos. Isto os capacitará a resolverem os paradoxos mais rápido, fazendo o feminino conhecido mais rapidamente. Esta é uma forma de poder. Não é um poder mágico, mas é mágica, e a mágica é uma manifestação física da vontade Divina. Quanto mais profundamente as suas raízes se conectarem com a Mãe Terra, e mais profundamente vocês se conectarem com a consciência de Cristo e a consciência do Mágico, mais o fluxo de energia percorrerá o seu corpo. O masculino do Cristo e o feminino da Mãe Terra.

Quando vocês entram no Medo, suas energias começam a se fechar e o medo vagarosamente começa a reprimir a energia da Mãe Terra e a do Pai Celestial e isto reduz a criação, o decreto natural da criação dentro de sua própria psique. O medo é um bloqueio natural para o sucesso.O medo interrompe o sucesso. O medo os impede de viverem os seus sonhos. Quando vocês alcançarem uma nova consciência que se eleva para o Pai Celestial, vocês começarão a se conectar mais e mais com a consciência dos grandes Mágicos e dos grandes Alquimistas que viveram neste planeta. A consciência de Cristo está a 60 milhas da Terra e a consciência dos Mágicos está a 20 milhas além disto, a 80 milhas da Terra. Conectar-se mais e mais com a consciência dos Mágicos para o seu domínio é temeroso e a entrada emotiva para a mágica é através do medo. Quanto menos medo vocês tenham, mais mágica vocês poderão fazer. Mantenham também na mente que a mágica é uma manifestação física da vontade Divina. Isto significa que quanto mais medo vocês tenham, menos mágica vocês poderão fazer, e menos poderão manifestar. O medo participa de muitos, muitos jogos, e quanto mais intensamente vocês se conectarem com o seu mágico, mais medo liberarão, tornando-se então o mestre de seu próprio destino.

Para todos vocês nesta sala, o medo se tornará uma coisa do passado nos próximos dois a três anos. Conscientizem-se em sua própria mente onde o medo os está controlando, ou os impedindo de viverem os seus sonhos. Reconheçam e estejam conscientes de seus medos nesta noite. Agora, vamos colocar luz na escuridão e ver o que brilha mais. A escuridão brilhará através da luz, ou vice-versa? Naturalmente a luz exporá estes lugares escuros e os capacitará a verem dentro de vocês mesmos. Vocês provavelmente imaginarão por que houve escuridão lá em primeiro lugar. Alguns medos são válidos, mas há mecanismos dentro do seu corpo para revelarem estes medos no momento. O que vocês têm sentido é o medo do passado - um evento passado de sua infância que os impede realmente de viverem os seus sonhos. Poderiam até ser medos de interior do útero de sua mãe. Sempre que vocês sentirem uma energia que encapsula totalmente o seu corpo, é normalmente o medo ou mesmo uma energia do pré-nascimento. Então, experienciem os seus sonhos e onde sentirem um medo, talvez em seu estômago - pois o medo pode ser encontrado em qualquer lugar do seu corpo - experienciem-no e estejam conscientes da idade na qual vocês o notaram primeiro ou o sentiram. ENTÃO, DEIXEM-NO IR. Nesta energia, queridos, nesta noite, seja qual medo que vocês reconheçam, vocês podem deixá-lo ir.

Nesta noite, há uma consciência calorosa, amorosa e nós compreendemos a sua condição, a condição do medo. Ele pode facilmente impedi-los de amar, importar-se, cuidar, ou apenas de estarem com alguém. O medo cria tanto abandono, tanta solidão. Um medo de ser tocado por outro ser humano - assim como vocês o apreciam, vocês podem temê-lo. Então agora, estejam conscientes de seus corpos e da experiência de nascerem - de passarem por este canal do nascimento. Neste momento, ativem estes sentimentos reais através do poder da intenção - o medo do nascimento e de serem parte desta terra. Em sua jornada, o medo começa da concepção em diante. Como vocês todos são criadores e todos mestres de seu próprio destino, vocês podem responder prontamente à pergunta, "O que me impede de criar o destino que eu verdadeiramente sonho?" Uma das coisas mais significativas é um medo congelado - a inabilidade de liberar o medo. Estar inconsciente do que realmente é o medo. Assim, quando vocês estiverem nesta energia, deixem os seus medos fluirem e refluirem como a maré na costa. Seus medos não servirão mais a vocês.

Um dos maiores medos de todos, é o medo de sua própria luz, seu próprio brilho e magnificência - vocês são todos magníficos e brilhantes em sua própria luz. O que os impede de manifestarem isto mais uma vez, é um medo. Assim agora, deixem este medo - que é a consciência de massa - entrar em seus corpos. Experienciem-no. Agora, mais uma vez, deixem esta energia externa, permear a energia interior. Deixem entrar a luz, e liberem os seus medos. E o que se refere ao medo do sonho humano primordial, o medo do amor, o medo de experienciar o amor verdadeiro em um relacionamento? O que é o medo de fundir-se verdadeiramente com uma pessoa do sexo oposto e de criar uma realidade de sua própria escolha? Ele é não-existente, se vocês permitirem que este medo entre em seu corpo e deixarem-no vir, e deixarem-no ir.

Queridos, este medo começou há muito, muito tempo atrás, antes que vocês fossem mesmo um piscar de olhos do Divino. Ele é antigo e todos o tem. Então, mais uma vez, deixem estes medos fluirem e refluirem como o mar, e estejam conscientes de que o que vocês estão deixando ir, não são milhões, mas bilhões de anos. MEDO. Não há mais razão para carregá-lo. O medo não cria uma realidade, mas mais importante, o que vocês têm medo, vocês criam.

O medo pode até ser encontrado em suas células e em seu DNA. Apenas tenham um tempo para observar o seu DNA - esta hélice miraculosa que está no núcleo do seu corpo - e liberem-no. Este é o medo de sua mãe e de seu pai, seus avós, bisavós e todos os seus ancestrais. E agora, nesta noite, nós ancoraremos esta realidade destemida aqui na Cidade do Cabo. Deixem a energia do destemor fluir através do seu corpo e do chacra coronário, e através das solas dos seus pés, e então ancorem-na firmemente no coração da Mãe Terra.

Fiquem bem e Deus os abençoem, pois este é Kryon assinando. Obrigado.


Direitos Autorais David Brown.

Todos os direitos reservados.


Traduzido por: Regina Drumond - reginamadrumond@yahoo.com.br

Todos os direitos reservados.
http://www.kryon.org.za/





--------

Sem comentários:

Enviar um comentário