*** VORTICE 11 *** > EM DEMANDA PELA VERDADE > PESQUISAR > ANALISAR > DISCERNIR > DECIDIR > AGIR

Seguidores

Uma oração a ter presente constantemente no coração:

''Eu Estou entregue nas mãos de Deus.
Eu Sou Divinamente guiado/a e protegido/a
E em mim e por mim é feita a Divina Vontade.
Eu sirvo e manifesto a LUZ , Agora e Sempre!''

14.5.16

Sócrates e a frase '' só sei que nada sei''



 Sócrates 

''Só sei que nada sei''
A sabedoria começa pelo reconhecimento da própria ignorância, o '' Só sei que nada sei'' é o princípio da sabedoria, atitude em que se assume a tarefa verdadeiramente filosófica de superar o enganoso saber com base em ideias pré-concebidas.







Arregaça os cantos da boca!
Se não sabes de nada, não estás sozinho/a. 





Bíblia - Mateus 24




1- Ao sair do templo, os discípulos aproximaram-se de Jesus e fizeram-no apreciar as construções.

2 - Jesus, porém, respondeu-lhes: Vedes todos estes edifícios? Em verdade vos declaro: não ficará aqui pedra sobre pedra; tudo será destruído.



3- Indo ele assentar-se no monte das Oliveiras, achegaram-se os discípulos e, estando a sós com ele, perguntaram-lhe: Quando acontecerá isto? E qual será o sinal de tua volta e do fim do mundo?


4- Respondeu-lhes Jesus: Cuidai que ninguém vos seduza.


5- Muitos virão em meu nome, dizendo: Sou eu o Cristo. E seduzirão a muitos.

6- Ouvireis falar de guerras e de rumores de guerra. Atenção: que isso não vos perturbe, porque é preciso que isso aconteça. Mas ainda não será o fim.


7- Levantar-se-á nação contra nação, reino contra reino, e haverá fome, peste e grandes desgraças em diversos lugares.


8- Tudo isto será apenas o início das dores.


9- Então sereis entregues aos tormentos, matar-vos-ão e sereis por minha causa objeto de ódio para todas as nações.


10- Muitos sucumbirão, trair-se-ão mutuamente e mutuamente se odiarão.


11- Levantar-se-ão muitos falsos profetas e seduzirão a muitos.


12- E, ante o progresso crescente da iniqüidade, a caridade de muitos esfriará.


13- Entretanto, aquele que perseverar até o fim será salvo.


14- Este Evangelho do Reino será pregado pelo mundo inteiro para servir de testemunho a todas as nações, e então chegará o fim.


15- Quando virdes estabelecida no lugar santo a abominação da desolação que foi predita pelo profeta Daniel {9,27} - o leitor entenda bem -


16- então os habitantes da Judéia fujam para as montanhas.


17- Aquele que está no terraço da casa não desça para tomar o que está em sua casa.


18- E aquele que está no campo não volte para buscar suas vestimentas.


19- Ai das mulheres que estiverem grávidas ou amamentarem naqueles dias!


20- Rogai para que vossa fuga não seja no inverno, nem em dia de sábado;


21- porque então a tribulação será tão grande como nunca foi vista, desde o começo do mundo até o presente, nem jamais será.


22- Se aqueles dias não fossem abreviados, criatura alguma escaparia; mas por causa dos escolhidos, aqueles dias serão abreviados.


23- Então se alguém vos disser: Eis, aqui está o Cristo! Ou: Ei-lo acolá!, não creiais.


24- Porque se levantarão falsos cristos e falsos profetas, que farão milagres a ponto de seduzir, se isto fosse possível, até mesmo os escolhidos.


25- Eis que estais prevenidos.


26- Se, pois, vos disserem: Vinde, ele está no deserto, não saiais. Ou: Lá está ele em casa, não o creiais.


27- Porque, como o relâmpago parte do oriente e ilumina até o ocidente, assim será a volta do Filho do Homem.


28- Onde houver um cadáver, aí se ajuntarão os abutres.


29- Logo após estes dias de tribulação, o sol escurecerá, a lua não terá claridade, cairão do céu as estrelas e as potências dos céus serão abaladas.


30- Então aparecerá no céu o sinal do Filho do Homem. Todas as tribos da terra baterão no peito e verão o Filho do Homem vir sobre as nuvens do céu cercado de glória e de majestade.


31- Ele enviará seus anjos com estridentes trombetas, e juntarão seus escolhidos dos quatro ventos, duma extremidade do céu à outra.


32- Compreendei isto pela comparação da figueira: quando seus ramos estão tenros e crescem as folhas, pressentis que o verão está próximo.


33- Do mesmo modo, quando virdes tudo isto, sabei que o Filho do Homem está próximo, à porta.


34- Em verdade vos declaro: não passará esta geração antes que tudo isto aconteça.


35- O céu e a terra passarão, mas as minhas palavras não passarão.


36- Quanto àquele dia e àquela hora, ninguém o sabe, nem mesmo os anjos do céu, mas somente o Pai.


37- Assim como foi nos tempos de Noé, assim acontecerá na vinda do Filho do Homem.


38- Nos dias que precederam o dilúvio, comiam, bebiam, casavam-se e davam-se em casamento, até o dia em que Noé entrou na arca.


39- E os homens de nada sabiam, até o momento em que veio o dilúvio e os levou a todos.  Assim será também na volta do Filho do Homem.


40- Dois homens estarão no campo: um será tomado, o outro será deixado.


41- Duas mulheres estarão moendo no mesmo moinho: uma será tomada a outra será deixada.


42- Vigiai, pois, porque não sabeis a hora em que virá o Senhor.


43- Sabei que se o pai de família soubesse em que hora da noite viria o ladrão, vigiaria e não deixaria arrombar a sua casa.


44- Por isso, estai também vós preparados porque o Filho do Homem virá numa hora em que menos pensardes.


45- Quem é, pois, o servo fiel e prudente que o Senhor constituiu sobre os de sua família, para dar-lhes o alimento no momento oportuno?


46- Bem-aventurado aquele servo a quem seu senhor, na sua volta, encontrar procedendo assim!


47- Em verdade vos digo: ele o estabelecerá sobre todos os seus bens.


48- Mas, se é um mau servo que imagina consigo:


49- - Meu senhor tarda a vir, e se põe a bater em seus companheiros e a comer e a beber com os ébrios,


50- o senhor desse servo virá no dia em que ele não o espera e na hora em que ele não sabe,


51- e o despedirá e o mandará ao destino dos hipócritas; ali haverá choro e ranger de dentes.


Mateus 24:1-51


https://www.bibliaonline.com.br/vc/mt/24


MENSAGEM DE ELIZABETH CLARE PROPHET por Rosane Amantéa

   

MENSAGEM DE ELIZABETH CLARE PROPHET



http://rosane-avozdoraiorubi.blogspot.pt/2010/09/para-que-eu-possa-voar.html


PARA QUE EU POSSA VOAR !




É com muita emoção que me presto, na data de hoje, a poder falar ao mundo, aos meus amados chelas que seguem as minhas palavras e todos os legados que os seres de luz me propiciaram deixar na Terra!


Venho por livre e espontâna vontade, apesar de ter solicitado às esferas de condução do trabalho desta atual mensageira do terceiro milênio que eu pudesse falar através de seu interfone de conexão espiritual de inquestionável dignidade, com o intuito de que fossem reparadas algumas distorções que tem sido perpetradas, não somente por canalizadores que seguem meus faróis, mas por mim mesma, que dantes estive também sendo manipulada por forças indelelevelmente ardilosas, que aproveitaram-se do meu grande amor por meu companheiro e pela minha inaptidão quanto ao conhecimento total sobre influências reptilianas, sem que eu pudesse identificar convictamente tudo o que via e ouvia.


De minha própria parte houve abusos de informações, as quais, algumas delas não verdadeiras, hoje sei que tinham o intuito de confundirem-se os rumos da sagrada missão espiritual de valorosos seres ancestrais condutores de todos os procedimentos de ordem divina, na organização dos pilares teóricos e materiais da pátria mundial que vai portar a coroa das novas revelações dos planos maiores sobre a Terra, embora de mãos unidas com todas as nações que permenecerem intactas após a convergência dos eixos da nova ascensão do vosso planeta.


Estando eu já neste recanto provedor das luzes de Deus, cidade espiritual que não estudava, chamada "Estância da Cúpula Irradiadora à Urantia", aturdida pela beleza desta, mas em plano diferente do ambiente que eu esperava encontrar, não me agradou saber que muitos seres comungaram com algumas de minhas articulações inconsequentes, com objetivos de destruição dos intentos sagrados de Deus, quanto aos próximos passos que estão sendo dados por Mestra Nada e Jesus, alicerçando os propósitos sagrados que já o verdadeiro Akenathon havia iniciado a implantar nas terras desta nação, onde agora em corpo astral me situo, cuja beleza, riqueza espiritual e exuberância imaculada só fui conhecer após estar nos braços do Amado Sagrado Coração de Jesus !


Muito me perturbam algumas informações que eu mesma deixei à Terra e não é justo que eu postergue isso nem mais um minuto !


Tanto mais me atormenta observar que algumas das informaçãos que dei poderão prejudicar o andamento de outras sagradas tarefas espirituais da Nova Era !


Lamento dizer que não fui Santa Clara, como foi divulgado, e isso constrange canalizadores e semeadores da luz no planeta, especialmente  as lojas da Summit esparramadas pelo mundo, que têm lido novas revelações de vários canais.


Dói-me ver o andamento sorrateiro dos planos dos que mancomunaram comigo em alguns dos ítens teóricos que vos deixei, e as funestas consequências de algumas inverdades que eu disse, dentre as verdadeiras e grandes contribuições que deixei ao planeta, inspirada autenticamente pelos Mestres que davam-me, sem que eu mesma soubesse, a oportunidade de minha redenção, após ter trafegado pelo plano terrestre, em muitas encarnações de regeneração, como exilada da quinta lua de Austrulus, da constelação de Ânima, desconhecida por maioria de vós.


Mas a verdade deve ser dita, para que tudo se resolva brevemente, dada a urgência de reparação dos erros em que me vi enrodilhada, na ingenuidade de quem não vislumbrava o que iria suceder no planeta, e também para que haja o ensinamento àqueles que se prestaram a delinear um perfil meu, embora num texto que relatava muitas ocorrências verídicas, mas que foram engendradamente estudadas por seres espirituais sombrios, para colocar como fidedigna a idéia de minha personagem como esta claríssima Santa Clara que, em verdade, é a alma gêmea de Mestre Kuthumi, a quem nem mesmo penso me equivaler em estatura espiritual.


Santa Clara, que conheci nos tempos de seu convento, eu como Gustuniana, monja clarissa que a admirava, reencontrei aqui nesta região de acolhimento onde ainda me hospedo, é a mensageira espiritual Joanna de Ângelis, cuja intensa luz não me atrevo a obnubilar com meus enganos e com os atuais enganos de outros mensageiros, aos quais, de antemão, já quero aconselhar que não me sigam naquilo que de inconsequente realizei.


Vesti sim o traje físico de uma santa de outros tempos, com o nome de Brigit, pelos anos de 1300, na Suécia, cujos rastros nem chegam perto dos esplendores da bondade, pureza e majestade espiritual desta imponente e resoluta caminhante da evolução da Terra, ao lado de João Evangelista, Francisco de Assis, seu grande amor.


Minha chama gêmea, meu grande companheiro na eternidade, é aquele a quem chamei de Lanello, tendo-o difundido como Mestre Ascenso, equivocadamente, antes do tempo que ele necessitaria para tal.


Como poderia ser Mestre Kuthumi o meu meu Mark ?


Lanello é uma entidade que existe sim, anterior ao desencarne de Mark e que deixou e ainda deixa várias mensagens através de canalizadores de várias nações, sendo um grande emissário divino que nos acompanha desde a nossa migração ao planeta Terra.


Este amável Lanello, que me recebeu quando cheguei aqui, colocou-me a par de todas as situações que ocorreram neste séculos todos, desde a nossa chegada ao planeta, e explicou-me que a minha vida e este meu testemunho vão ser portais importantes que evocarão mais prudência e bom senso em todas as instituições espiritualistas futuras.


Deixou sempre, em todos os tempos, muita sabedoria, através de muitos canais, de muitas religiões, sempre sem delinear detalhes de suas existências pregressas, muito menos referindo-se ao nome Mark.


Sempre foi um dos grandes mestres da Terra, mas anônimo, muitas vezes tendo escrito textos recolhidos por Allan Kardec com os dizeres: "Um espírito amigo", como autor da mensagem.


Mas as mensagens que dizem-se de Mark, que o situam dentro do contexto das linhas, como Lanello, não são autênticas.


Quanto a isso já prevejo os abalos a centenas de canalizadores, e uma desestruturação geral no âmbito do meu missionato, mas faço questão que isso aconteça, este abalo nas estruturas deste terreno perigoso da comunicação com o universo espiritual.


E, como me alertou El Morya, não seremos nós os antigos Constantinos, que deixaremos para milênios afora, erros graves que desviem os rumos da nova civilização planetária, como este rei inconsequente fez, projetando e executando interferências múltiplas em certos temas dos textos sagrados, pelas suas decisões arbitrárias, alterando os rumos da civilização terráquea.


Porém, alguns outros Lanellos também deixaram ensinamentos com a feição dos dizeres de Mark. Como outros seres que dizem-se mestres ascensos, anjos e arcanjos, elementais e fonte.


São os aproveitadores de canais desavisados, que iniciam sua ascendência espiritual sobre eles, fomentando movimentos próprios, com suas palavras vazias que parecem sábias, com a finalidade de ir desencaminhando-os gradativamente, até que surjam possibilidades de serem criadas outras doutrinas e ensinamentos, com a direção espiritual dos reptilianos, após a credibilidade conquistada.


Também distraem-nos com muitas palavras e textos sem importância, enquanto conspiram com a sua tecnologia avançada, para a derrocada dos valores do amor e do bem na Terra.


Funciona como lavagem cerebral, alienando os discípulos que não conhecem a fundo as ininterruptas ciladas que promovem, para perpetuarem ensinamentos sem consistência e veracidade.


Isso tudo tenho visto desde os meus primeiros dias nesta plácida estância em que fui acolhida, para restabelecer algumas lembranças, das quais me envergonho profundamente, pela gravidade da adulteração de fatos e nomes, que mudariam a história do planeta, a partir de agora.


Como pode, também, a propósito, aquela que pronunciamos como a reencarnação de Santa Tereza D'Ávila, minha amada Florence Miller, ter vestido esta personagem cristã de tanta galhardia, a quem ousamos citar de forma desastrosa, no meio de tantos seres que me aguardavam para o restabelecimento destas pseudorevelações que tive, pelo descuido da época, por não ter a clareza que hoje tenho sobre as mistificações espirituais.


Santa Tereza D"Ávila foi, segundo soube entre todos os conselheiros do karma, a quem tive que responder sérios quesitos sobre minhas competências na Terra, uma companheira de Jesus Cristo, que hoje trabalha ao seu lado, numa tarefa de grandeza indefinível.


Sentia-me feliz em ir promovendo amigos e personalidades conhecidas como novos espíritos ou mestres ascensos, como se isso me coubesse ! Como se me coubesse queimar carmas por eles !


Era um impulso de forma alguma ardiloso, mas sim levado adiante pelo meu pouco conhecimento das leis espirituais universais.


Muitas coisas que eu disse terem sido afirmadas por El Morya ou Saint Germain, ou ainda outros, foram instigadas por mentes maquiavélicas, com objetivos certeiros.


E os mestres de luz me deixaram passar por isso, para que hoje eu estivesse aqui, dando este grande passo para minha alma, pela alma de Mark e pelas almas todas que poderiam seguir alguns destes meus passos distorcidos da realidade.


Não poderei consolidar minha transmutação da chama trina, mudando seu quilate dimensional, como me ensinava Seraphis Bay, da forma como eu pensava, pois que nada passa sem a observância dos crivos da verdade absoluta.


No quadro mental de quem ascende, não pode haver resquícios de enganos e equívocos, pois que não serão assim atingidos os níveis de queima cármica que delinei para todos os meus chelas e tantos milhares de acompanhantes de nosso trabalho neste planeta, até os dias de hoje.


Nao alçarei vôo definitivo enquanto não estiver em perfeita paz de consciência !


Conto uma parte de minha história, aqui neste espaço de luz clara e intensa, realmente regido por Santa Clara e por aquela que era uma companheira de Jesus, e que viveu como Madre Carmelita.


Por motivos que não ouso declarar aqui, pretendo resguardar a imagem de tão amado ser a quem reverencio e idolatro: meu Mark.


Mas, desde outros tempos, em que estive num orbe desconhecido de vós todos, ambos havíamos errado muito e nos dispusemos a estar na Terra, trabalhando pelas almas que precisassem saber da grandiosidade e beleza da vida dos grande seres tutores do planeta Terra.


Fomos orientados por equipes de luz, sempre nos alertando dos perigos a que estaríamos submetidos.


Neste momento de nossa entrada no planeta, bem alhures, onde se situava Mu, e estávamos em meio àquela civilização, com a aparência de deuses extraterrestres, nós já estávamos iniciando o período de nossa redenção galácica.


Havíamos nos atrasado em nossas trajetórias evolutivas, deixando de acompanhar a migração de nosso povo planetário, somando-nos a inescrupulosos pervertores da ordem tecnológica daquele plano de vida em Austrulus.


Vivemos aqui durante milênios sem conta, preparando-nos para as funções que, somente após muitas e muitas vidas de trabalho intenso na chama purificadora dos acontecimentos da Terra, estaríamos à altura de conceber e executar, de forma prática.


Lanello, o nosso esteio desde lá, o nosso guardião resoluto e sempre presente, esteve ao nosso lado durante estas centenas de séculos, sempre presente, amparando através de seu amor incondicional, nossos desafios e testemunhos constantes.


Lanello, o verdadeiro Lanello está me acompanhando hoje, nesta emocionante mensagem, quando me posto ao lado desta mensageira e, com lágrimas pungentes, deixo a minha palavra exclusiva e verdadeira de que Mark Prophet não é Mestre Ascenso ainda e nunca se chamará Lanello.


Posso afirmar, por ter assistido muitas sessões de cinema especial deste núcleo espiritual de vibração solar, onde me preparo para a próxima viagem à Terra, que não somos os próximos deus e deusa Meru, nem seguidores de Hélios e Vesta, que estão a bilhões de anos-luz de nossas almas renitentes.


Lady Krystine nunca existiu como mestra ascensa. Pelo contrário, nossa Florence está sob cuidados de muitas ladies do espaço, inclusive já tendo sido esclarecida de todos esses focos de equívocos que têm nos aguilhoado nesta vibração da Terra.


Minha ascensão igualmente não se deu com meu desprendimento do vaso físico e as correlações que se fizeram sobre as datas de meu óbito e a de Santa Tereza D' Àvila nada tem de relação com nossa realidade espiritual.


Para que eu possa me libertar destas cordas fluídicas em que os meus próprios pensamentos me aprisionam, pela ingerência que fiz ao penetrar em histórias de outros personagens terráqueos de nobreza indiscutível, com a facilidade e ingenuidade de quem considera que fossem esses, os meus queridos Mark e Florence, tais vultos, bem distintos deles, e que hoje aqui estão ao meu lado, reconheço as minhas graves faltas, embora somente estivesse eu atendendo, com certeza, sugestões mentais de ardilosos seres que pretendiam embargar outras obras de quilate espiritual grandioso, que estão inicando seu percurso, nesta era da grande ascensão da Mãe-Terra.


Estes equívocos e interpretações errôneas de nossos papéis me impedem de alçar vôo ao lado de El Morya, que concordou e permitiu que eu viesse até esta mensageira que, com certeza, será discutida por milhões de vós, que me rendem gratidão e louvor, quando não ainda mereço, embora todos os meus feitos e obras literárias.


Por ter me confundido muito quanto a algumas energias e informações que foram passadas a mim, sem minha vigilância, devo reiterar aqui essas absolutas verdades que escrevo de próprio punho, aproveitando o punho, a bravura e a coragem desta canalizadora, pois que difícii seria esta publicação por outros mensageiros ligados aos nossos meios.


A mais importante restauração dos fatos, porém, e que me faz entrar em situações de intenso constrangimento, cuja importância me levou a ter clamado a Morya e Kuthumi que eu pudesse vir para poder me retratar perante a humanidade é a de ter afirmado sobre personalidades de tantas encarnações, como a de Mark Prophet como Akenathon, cuja alma ainda não teria tido a condição de ser este vulto intergaláctico de nobreza exemplar, como também a de poder ter sido outros tantos nomes que declinei.


Isso eu fiz nuns momentos de arroubos de vontade de saber que ele estaria já liberto ! Para que ele fosse idolatrado como Mestre Ascenso, pois o amor que eu tinha e tenho por ele é tão grande, que eu o via assim, e desejava que ele tivesse tido todas aquelas personalidades  na Terra, como que se meu espírito quisesse libertá-lo de seu escabroso passado em nossa morada estelar desconhecida por vós todos, mas posso dizer que se chama, para nós, como já disse, a quinta lua de Austrulus, na constelação de Ânima, também de terceira dimensão.


No entanto, o que mais me comove, é ter conhecido pessoalmente aqui no espaço das glórias eternas, o ilustre e verdadeiro Akenathon, cujo esplendor de brilhos nunca imaginei que existissem.


Como pude ser assim tão invigilante para ter deixado informação tão perigosa e injusta, destacando meu amado Mark como o unificador egípcio de tão excelsa envergadura ?


Isso foi o que mais me prendeu na Terra até os dias de hoje !


E não desejo mais carregar esta culpa na minha alma que, apesar de tudo, cumpriu bem a sua tarefa, conforme me afirma El Morya.


Akenathon foi o presidente do Brasil, nação que regerá os portais da sabedoria espiritual que vai chegar nos próximos milênios.


Não poderia Mark ter esta gradação espetacular de ter moldado um planejamento tão esmerado, tanto no Egito como no Brasil.


Sei e já percorri inúmeros redutos espiritualistas e esotéricos, observando, ao lado de Ramatis, El Morya e Kuthumi, todos os comentários que tem sido feitos com relação ao fato de se iniciar uma empreitada mais veemente na divulgação de que o Brasil tem esta missão especial.


Ramatis e Kuthumi são entidades distintas, mas se mesclam como almas complementares, fazendo ambos papéis de ambos e papéis de si mesmos. São lindos e iluminados, expoentes da sabedoria que apregoam, e eu muito os amo, como a Saint Germain, a quem também atribuí muitas das minhas palavras distorcidas, como se tivessem provindo dele.


Muitas coisas tenho aprendido de forma mais plena, objetiva.


Como posso voar aos patamares onde meu espírito anseia estar se, por quantas vezes, nos palanques da vida em vaso físico, adulterei a localização de alguns templos etéricos, trazendo-os para as regiões que eu considerava à altura dos seres luminosos que eu via.


Jamais quereria eu que algum templo de luz estivesse sendo plasmado no astral das terras do Brasil ou da África, embora tenha feito menção e referência sobre isso, algumas vezes, mas de forma contrariada e dissimulada.


Mestra Nada tem seu templo sobre a Arábia Saudita também, mas o seu templo principal sempre foi sobre o Brasil, que é da sua augusta competência encaminhar nas próximas gerações, e já lá estava, antecedendo à construção integral da Metrópole do Grande Coração, obra magistral de Ramatis e dela, igualmente.


Mestra Nada concedeu-me esta honra de me posicionar neste seu espaço sagrado !  Fico em soluços quando vejo a luz da rosa irradiante que parte de seu coração !


Hoje, vendo a excelsitude e majestade da Metrópole do Grande Coração, nos céus, invisíveis por vós, desta nação de tanto brilho e brancura, no plano astral, e verificando os fogos espirituais no dia de hoje, mas há vários dias, pelo advento da clarificação sobre a imortalidade da alma e da existência das colônias espirituais, assisto, sensibilizada, aqui ao meu lado, a emoção do espírito de André Luiz, aquele que todos conhecem assim, nos meios espíritas, e que teve outros nomes de repercussão que não me compete deixar aqui para vós, a não ser o do príncipe Shah Jehan.


Também me acompanham ele e Akenathon, e muitos outros, especialmente El Morya e o verdadeiro Lanello, nesta equipe de luz que me permitiu estar aqui, transmitindo minha palavra que não queria mais calar em meu espírito angustiado, pela urgência do esclarecimento imprescíndível.


Juscelino Kubitschek, ou Akenathon, tem uma missão ainda muito grande nesta nação, ditando muitas ordens superiores, juntamente a Ramatis, El Morya, Mestra Nada, Joanna de Ângelis e também muitos mestres da Grande Fraternidade Branca, do Espiritismo e de outros grupos de atuação ancestral no vosso planeta e outros grupos, institutos e ordens que trazem elucidações esotéricas sobre a vida espiritual e as leis universais.


Meu coração se alegra muito por poder deixar a verdade sobre a Terra !


Como poderia eu voar, mesmo tendo que retornar, mas voar pela consciência tranquila, deixando esses equívocos que repercutiriam de forma muito acentuada nos meios espiritualistas, sendo que se confundiriam muito todas as lições que Akenathon ainda irá trazer aos jovens do terceiro milênio, como se fossem de meu amado e inexistente Lanello ou de Mark Prophet.


Jamais que Mark Prophet teria a condição de ter deixado o rastro e o lastro que Akenathon, a quem eu chamava de Iknithon, deixou, quando ao lado de Nefertiti, sua chama gêmea, que não sou eu.


Mark Prophet cumpriu a sua tarefa espiritual na Terra, mas ainda não ascendeu e está aqui comigo como um irmão que igualmente precisa se redimir de sua astúcia em concordar com todas as informações que declinei sobre ele, em espírito, instigando-me também a isso confirmar na sociedade.


Por esse motivo, não se criando as luzes que ainda não existem em nossos espíritos, da forma ideal, apesar de todos os nossos feitos, só posso e poderemos tê-las a partir destes momentos em que estamos aqui podendo nos expressar livremente, de forma natural, sem receios.


Este fato, esta revelação que faço, confundirá os nossos aliados, os nossos queridos e amados chelas e seres terrenos que nos acompanham desde as primeiras visões e lições que trouxemos à Terra, é verdade !


Mas não posso evolar aos meus tão esperados reinos de luz, enquanto não ascender de verdade, tendo ainda que voltar ao lado deste que foi meu companheiro, para nos redimirmos destes equívocos todos. E até mesmo para voltar pretendo voltar limpa de meus enganos e máculas que impregnam a minha mente.


Fizemos muito, muitas obras, de frutos luminosos e consistentes também, e não considerávamos que estes rastros mal pensados fariam muita diferença no futuro. Parecia-nos que isso nos bastava para a nossa ascensão definitiva.



E não pretendíamos deixar nada disso acontecer, como se fôssemos os antigos alteradores da Biblia Sagrada, dos evangelhos de Jesus Cristo.


Não podemos e não queremos continuar deixando se alastrarem essas informações que relatei agora, pois precisamos subir, libertar-nos verdadeiramente !


Verifico a humildade com que esta mensageira se dispõe a deixar expressas as palavras de todos os seres que necessitem deixar a sua parte na grande convenção planetária de resgatar as verdades universais.


Sabemos do prejuízo que advirá até mesmo à sua imagem e à sua credibilidade, mas o esclarecimento e a verificação da autenticidade de minhas palavras vai ser divulgada no futuro, quando cada alma de todos vocês vai encontrar a verdade nos planos astrais e espirituais outros, onde terão visão ampla para entenderem e avaliarem a dimensão da importância destas minhas elucidações.


Estamos em tempos de verdades absolutas e a ninguém compete julgar ou definir a verdade de quem quer que seja !


Eu tenho a minha verdade e é essa a verdade que quero que fique registrada, além de tudo o de bom e benéfico que deixei !


Tenho o direito de que a minha vontade seja manifestada ! A vontade de me explicar agora e de me corrigir, que é o que farei a partir de minha próxima descida à Terra !


Eu não quero mais fazer como fiz, a de querer que a verdade fosse a de que Mark tivesse todas as honras como mestre ascenso e eu mesma, Florence Miller e muitos outros.


Mark Prophet não foi Péricles e nem Akenathon, como também não foi Noé, muito menos rei Artur, nem mesmo Clóvis.


El Morya e Kuthumi me afirmam que permitiram que este evento espiritual equivocado acontecesse em nossas vidas, para que disso tirassem proveito o meu espirito, o de Mark e e os de outros mais milhares de seres encarnados.


Todos devem estar mais atentos à questão de informações, conhecimentos e revelações que são trazidos à humanidade.


Os  verdadeiros mestres ascensos e outros maravilhosos mestres do terceiro milênio querem abolir os fanatismos e a aceitação rápida de qualquer ensinamento provindo de anjos e arcanjos, muitos deles que nem mesmo sabem que estão com os nomes sendo divulgados como os autores de determinadas mensagens.


Ocorre, infelizmente, uma banalização das canalizações !


Qualquer coisa é aceita como verdade, qualquer bobagem, qualquer informação !


E observamos daqui como o ceticismo caminha ao lado também da ignorância e com a falta de cuidado quanto às orientações que provêm do mundo espiritual.


Posso ter a consciência traquila quanto a tudo o mais que não registrei aqui, tudo quanto deixei como mensagens, visões, livros, revelações, decretos em linguagem mântrica e comentários sobre os mestres e suas competências, e tudo o mais quanto sabem, o que foi dito e escrito e alardeado, que são verdades constatadas por mim, depois que deixei o vaso físico.


No entanto, foi grande o susto que levei ao verificar que meu amado Mark estava ainda numa situação espiritual de desconsolo pelo que fizemos, sendo ingenuamente dirigidos por tramas de mentes espirituais escuras, que tiraram proveito de nossos anseios de deixarmos nossos nomes como novos mestres ascensos.


A nossa preocupação agora é grande quanto a deixar detalhes da vida espiritual aos seres humanos.


Na verdade, não foi vaidade o que nos moveu quanto a isso que ocorreu, e sim a ânsia de partilharmos destas luzes e reinos, assim, achando que seria de forma tão imediata. Talvez pela lembrança subconsciente de nosso exílio e a ânsia de encontrarmos algum lugar ao sol para nossos espíritos devedores das leis planetárias.


Considerávamos que simplesmente por termos cumprido a nossa tarefa de sermos os veículos humanos dos Mestres Ascensos e por deixarmos as idéias sobre a Grande Farernidade Branca mais evidentes, já teríamos galgado todos os degraus da ascensão maior que estávamos nós mesmos nos exigindo desde a nossa desditosa obra de traição em nossa lua de Austrulus.


A idolatria também faz esses enganos acontecerem e é bom que meus amados aliados e discípulos saibam disso.


Acompanho desde minha chegada aqui, o trabalho de todas as equipes espirituais que estão se movimentando para trazerem os novos ensinamentos à Terra e peço, com a maior eloquência de meu espírito, a vós, que não se arvorem em adquirir prejuízos evolutivos para vossos espíritos, desconsiderando as novas sérias revelações que vão chegar.


Não se permitam serem fechados aos novos seres que vem chegando para deitarem seus ensinamentos à nova civilização da Terra !


Desconsiderem sim tudo aquilo que parece ser rápido demais, salvações descabidas, fora da lei do merecimento !


O alívio começa a chegar ao meu espírito e já posso respirar a beleza de estar entre estes mestres de amor e de  luz, redimida pela minha sinceridade !


A verdade sempre irá ser a nossa cura, nossa luz, a nossa evolução e a nossa verdadeira ascensão !

Agradeço infinitamente a essa irmã que o mundo não conhece, mas que será conhecida em breve, pelas suas autênticas manifestações de amor pessoal pelos seres humanos e pelo traquejo em não se deixar enganar por pretensas mensagens de fontes indignas deste trabalho, que terá o seu trono, um dia, na face da Terra.


Louvado seja Deus e o Sagrado Coração de Jesus e de Mãe Maria por eu poder ter estado aqui nesta manhã de tantos fogos de luzes e esplendores multicores incríveis, celebrando a chegada do filme sobre a história verídica deste que se tornou um mestre ímpar de revelações espirituais à Terra, ao percorrer os labirintos das vidas astrais de muitos espíritos desencarnados, deixando todas as suas experiências relatadas nestas obras ditadas ao irmão que conheci recentemente, Francisco Cândido Xavier, cuja alma sensível e amorosa jamais vi em ninguém, enquanto estava em vida humana.


Abaixo-me em reverência a estes seres maravilhosos que deixaram estes préstimos à humanidade e que verdadeiramente podemos chamar de novos Mestres da Terra.


Quanto a mim, amados, peço que aproveitem tudo quanto deixamos na Terra, eu e Mark, sem fanatismo e regalias e não contestem nada do que está escrito aqui, pois estarão me impedindo de me libertar.


Eu desejo ter menos consequências destes males e não o contrário, vendo a discórdia e o ceticismo postergando o meu Võo, mesmo que ainda retorne à Terra ao lado de Mark.


Preciso que me escutem e me libertem, perdoando-me !


Apenas absorvam essas verdades que eu disse, mas sem considerar que elas são adulteradas, ou que sejam horríveis, ou que as minhas obras sejam melhores ou maiores que todas as outras.


Tudo aqui, no universo de luzes do espírito, é apoio incondicional a todas as formas de trabalho espiritual e humano na Terra que tragam lições e frutos abençoadores à humanidade.


Na certeza de que muitos saberão enxergar que nem eu e nem esta mensageira estamos forjando nenhuma informação que não teria o porquê de existir, e ainda esbravejando carinhosamente com aqueles que consideram que os seres humanos não colaboram conosco em trabalhos espirituais, enquanto desdobrados do seus corpos físicos, pois isso é um absurdo acontecer ainda em suas mentes, despeço-me com alegria e esperança em ver que tudo pode mudar, tudo pode crescer, tudo pode se reconstruir !


Desejo a todos uma imensa força de espírito para vencerem as adversidades que conspiram contra vocês mesmos, como amarras persistentes de vaidades e egolatrias, ao contrário do que desejo e desejam todos os mestres que me receberam com muitas honras e glórias, apesar de meus ledos enganos, e hoje já corrigidos, por esta mensagem que deixo para os anais de meu ministério na Terra e nos anais desta irmã que abraço agora, com muita gratidão !


EU NÃO SOU e não quero relembrar a nossa saga em Austrulus, minha, Ahnképtia e de Mark, Wuysigel, extraterrestres em exílio na Terra.



EU SOU ELIZABETH CLARE PROPHET !   

                     

SUZANA, na Babilônia.
Santa Adelaide- Feudo de Canossa
SANTA BRIGIT, na Suécia..
                   
Lanksavia, na Bósnia.                                
Princesa Jasmine, em tempos idos da região que hoje é a França.
Desirée, em Le Champs des Etoiles, também na França medieval.
Gustiniana, ao lado de Santa Clara, na Itália.
Henriquiete, grã-duqueza de Gasconha.
Joanne Franzon Ernestine - encarnação masculina na Alemanha.
                                                  
                                  
           e outras personagens desconhecidas.



EU SOU LUZ !  EU SOU AMOR ! 


EU ME PERDÔO !  EU SOU PERDOADA !

                                                            
                                                         
ELIZABETH CLARE PROPHET



Mensagem psicografada em 10 de setembro de 2010, por Rosane Amantéa.
                                    

Obs: Há 20 dias atrás, esta mestra me pediu que pudesse falar por nosso intermédio, ao que lhe respondi que tudo que deve acontecer no âmbito de minha tarefa na Terra sempre é e sempre será regido pela vontade de Deus. 
Ela estava numa luminosidade tênue, mas bem clara, com um largo sorriso, cheio de amor e de esperança.
Ao seu lado estava Mark Prophet, envolvido em brumas de tristeza e preocupação.
No dia de ontem ela chegou sem ele, muito firme e convicta, acompanhada por dezenas de mestres e seres luminosos.
Em alguns momentos ficou muito emocionada, mas sem perder de vista o seu objetivo.
Terminou a mensagem agradecida  e sensibilizada, fazendo mimos em meus cabelos !
Meus cumprimentos pela sua honestidade e responsabilidade espiritual !


                                              ©2010Rosane Amantéa 

Esta mensagem pode ser compartilhada desde que os direitos autorais sejam respeitados citando o autor e o link.
Obrigado por incluir o link do site do autor quando repassar essa mensagem.

https://twitter.com/avozdoraiorubi

https://www.facebook.com/rosane.amantea

***********************************************



 *** VORTICE 11 *** > EM DEMANDA PELA VERDADE > PESQUISAR > ANALISAR > DISCERNIR > DECIDIR > AGIR





Existem forças presentes no planeta que  são ardilosas ... 
Onde e como se manifestam?! 

Oh Humano! Sabe de nada, inocente! 


Por isso Jesus dizia: 

Vigiar e orar 



4.2.16

Bashar - sobre o ENTUSIASMO!

.

https://www.youtube.com/watch?v=pykFt3SNC-Y


O que te entusiasma na vida? A chave está no entusiasmo.




Atualização da Energia Artigo de Selácia 2 de Fevereiro de 2016


Suas energias, seus pensamentos, suas ações são mais importantes do que você pode saber. Confie que não importa como esteja e pareça louco o mundo, você pode ser uma força essencial para a paz.




Atualização da Energia
Artigo de Selácia

2 de Fevereiro de 2016.
Se você se sente como se estivesse preso em um mar de melaço, ou apenas bloqueado criativamente, prepare-se para uma mudança. As energias do Ano Novo Chinês estão começando a se revelar – com muito fogo para os seus projetos e ímpeto para estender as suas asas.

Com as energias do Ano do Macaco já no ar, você está se fortalecendo para outro novo ciclo. Antes que o Ano Novo Chinês comece oficialmente em 8 de Fevereiro, pretenda agora se conectar com a sua paixão. Convide a energia desta paixão agora.
Não tem certeza de como se conectar com as suas maiores paixões? Mantenha-o simples.
Peça ao seu Eu Superior para lembrá-lo do que agita o seu entusiasmo por estar vivo. 

Talvez, seja montar em cavalos, ou estar nas montanhas. Talvez, seja escrever, expressar as verdades universais ou algo muito pessoal para você. Sua paixão poderia estar relacionada com um dom que você tem, como a sabedoria sobre o corpo ou a psique – e ajudar os outros, compartilhando o que você domina. Sua paixão poderia envolver algo tão simples como ajudar os outros a rir. Para muitos, a principal paixão é ser uma boa pessoa – gentil com os outros ao seu redor, e ser lembrado no fim desta vida como um ser carinhoso.

Curiosamente, quando você encontra uma vocação ou um propósito que está alinhado com as suas paixões, um caminho muito mágico e gratificante pode estar à frente. Compreendendo isto, reflita sobre estas idéias ao longo dos próximos dias. Peça ao espírito para lhe trazer as suas paixões mais à tona em sua consciência – você poderia ter muitas paixões fora do seu radar!

Pretenda que você irá utilizar plenamente as energias benéficas do Ano do Macaco em 2016, para se tornar mais alinhado com as suas paixões mais elevadas e para incorporá-las à vida diária. Como mencionado em meu recente artigo “Prepare-se para o Ano do Macaco em 2016”, a ação pessoal é fundamental neste ano. Não é um ano para continuar a ser um espectador ou adiar, quando a sua alma o está cutucando para agir.

Macacos, pela sua própria natureza, são ativos e, metaforicamente, eles estendem as suas asas quando voam através da floresta, de árvore em árvore. Eles experimentam. Eles colaboram em grupos. Eles têm curiosidade, gostando de investigar novas coisas. Eles assumem riscos calculados. Eles se erguem a grandes alturas para ver o que os outros não conseguem ver. A socialização está ligada ao seu ser.

As energias que antecedem à Lua Nova, em 8 de Fevereiro, são de apoio, gerando um senso de comunidade e de colaboração com os outros. A socialização e a comunidade estão naturalmente ligadas. Somos seres sociais, assim como são os macacos. Nenhum de nós pode cumprir as missões, sozinho – nós o fazemos em comunidade, com outras pessoas e com o coletivo.

A paz ocorrerá em toda a Terra de uma forma diferencial, enquanto as pessoas em toda parte compreendem cada vez mais a nossa natureza interligada e se lembram de que todos querem as mesmas coisas. Você já sabe disto, é claro. Um dos seus principais papéis agora é manter o espaço para que esta realização global ocorra, e viver a sua vida dia a dia como se esta seja a premissa subjacente mais importante.

Suas energias, seus pensamentos, suas ações são mais importantes do que você pode saber. Confie que não importa como esteja e pareça louco o mundo, você pode ser uma força essencial para a paz.

Tradução: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br