Uma oração a ter presente constantemente no coração:

''Eu Estou entregue nas mãos de Deus.
Eu Sou Divinamente guiado/a e protegido/a
E em mim e por mim é feita a Divina Vontade.
Eu sirvo e manifesto a LUZ , Agora e Sempre!''

13.8.14

Chegou o tempo para vossas ações! - Senhor Shiva, 21 de Junho de 2014.


457 Chegou o tempo para vossas ações! - Senhor Shiva, 21 de Junho de 2014.


EU SOU Shiva!       

Hoje neste dia do solstício de verão, eu vim até vocês!   

Como sempre, estou inflexível e cheio de determinação.           

Meus requisitos para aqueles que Nos seguem estão ficando mais elevados a cada dia.        

E isto é bem óbvio. Se há apenas uns poucos anos tentávamos ensinar e guiar vocês, agora o tempo de vosso treinamento acabou; é tempo para ações decisivas.

Não mais existe oportunidade de aprender as coisas perdidas.. 

Estou-lhes dizendo que a situação se torna tensa a cada dia e mesmo a cada hora.

Agora mesmo chegou o momento para o qual muitos de vocês vieram à encarnação.  

O equilíbrio do planeta está à beira do colapso..   

A paz na Terra está literalmente pendendo por um fio     

Em vez de se colocar firmemente pelo mundo Divino e contra o mundo da ilusão, muitos de nossos seguidores decidiram tirar um descanso, como se nada estivesse acontecendo no mundo.
         
Estou-lhes dizendo que as forças opositoras estão fazendo tudo de modo que o posterior desenvolvimento evolutivo no planeta se torne impossíveI.. 

Estou-lhes dizendo que exatamente agora chegou o tempo em que vocês devem aplicar todos os vossos esforços, todas as vossas capacidades, talentos e habilidades, primeiro de tudo, para restaurar o equilíbrio interno de poderes e chegar ao ataque total no mundo externo.
 

Vocês devem devolver a ordem Divina a vosso mundo! 
Se ainda pretendem que nada está acontecendo, se ignorarem vosso dever de suster os padrões Divinos no planeta, vocês perderão vosso planeta, essa plataforma sobre a qual o desenvolvimento de bilhões de almas está ocorrendo.   
Vocês são responsáveis pelo planeta Terra!        

Vocês devem parar de fazer nada!           

Nós esgotamos o tempo planejado para ensinamento pacifico!  

Chegou o tempo para ações decisivas!    
Mostrem o que aprenderam por estes 10 anos em que foram treinados sob a guia das Hostes Ascensas!    
O equilíbrio no planeta poderia ser mantido com a ajuda de Vigílias de prece. Eu pessoalmente lhes pedi através de nossa mensageira para dar esta energias aos Mestres durante a Vigília de prece no 23 de março deste ano.        

E se apenas 10 mil pessoas apoiassem meu apelo, poderíamos retornar a situação no planeta a um curso pacifico já nos dias do equinócio de primavera.

Entretanto, não pudemos encontrar sequer duas mil pessoas rezadoras.          

Primeiro, qualquer manifestação negativa se formando no plano sutil pode ser neutralizada com a ajuda de preces. Mas então chega o momento em que energias negativas começam sua precipitação no plano físico. E neste momento não só trabalho de oração é necessário de vocês, mas também vosso trabalho no plano físico.    

A repulsão de energias negativas deve ser criada em cada plano de existência! 

Eu lhes lembrarei desta Lei. Quando os Grandes Mestres da humanidade vêm para dar o Ensinamento à humanidade encarnada, eles sempre o fazem antes que processos negativos globais estejam para acontecer na Terra.          

Nós sempre damos à humanidade uma chance de seguir ao longo do caminho mais fácil, o caminho de mudar sua própria consciência.
    
Nós damos o Ensinamento, que torna possível mudar a consciência de um número suficiente de indivíduos encarnados em uns poucos anos.  ‘

Nós gastamos uma grande quantidade de energia Divina, transmitindo nossas Mensagens a vosso mundo. 

Entretanto, chega o momento em que a humanidade recusa seguir ao longo do caminho régio.        

Mais e mais indivíduos em que pusemos esperanças são tentados pela magia da ilusão e deixam o Caminho.        

E este momento chegou.   

Quando a humanidade faz uma escolha coletiva de não avançar numa direção mais fácil de mudança de consciência, a lei do Karma vem a efeito.

Qualquer karma pode ser suavizado no nível de pensamento e emoções. Para isto vocês devem mostrar o reconhecimento de enganos e arrependimento.  

Quando o caminho mais fácil é rejeitado, a liberação de karma começa no plano físico. E periodicamente acontece de um modo mais intensivo do que o faz usualmente.

Toda vez antes de qualquer guerra mundial nós obtemos o consentimento do Conselho Supremo deste Universo e tomamos uma dispensação para a transmissão de nosso Ensinamento. Fazemo-lo esperando que a humanidade concordará em seguir o caminho de mudar sua consciência. 
      
Entretanto, nossas tentativas falham toda vez, e não podemos alcançar e persuadir o número necessário de indivíduos encarnados a seguir o Caminho mostrado por nós.

A percepção do karma sempre segue a rejeição..           

Devo dizer-lhes que é possível voltar ao caminho mais fácil a qualquer momento. Devo também dizer-lhes que guerras, catástrofes e desastres naturais não são punição de Deus.      

Todos estes incidentes nasceram da consciência das pessoas que estão encarnadas agora. Assim a retribuição, como a conseqüência, inevitavelmente segue a causa que a criou.
      
A mudança na consciência das pessoas ocorrerá em qualquer caso. È inevitável como o nascer do sol. Entretanto, a questão é quanto sofrimento requer para a humanidade aprender suas lições.   
Estou-lhes dando esta Mensagem esperando que ao menos um pequeno número de nossos discípulos conseguirá se unir e começar a agir.   

Vocês têm que parar qualquer manifestação das forças opositoras em todos os planos de existência e em todas as esferas da atividade humana.   

Quanto mais agirem em unidade, mais evitáveis serão a morte, violência e dificuldades.

Chegou o tempo para vossas ações! Agora!



EU SOU Shiva!

© Mensageira: Tatyana Mickushina


Tradutoras: Julia Zaytseva 
e Ekaterina Reznichenko
Revisora: Linda Ploch
Luso-brasileiro: Transcriptor


~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

Orando


Sem comentários:

Enviar um comentário